NOTÍCIAS

09/08/2018

CRCSE e TRE/SE realizam Seminário sobre Contabilidade Eleitoral – Da teoria à prática

Por Ana Paula Machado

 

Assim como acontece em todos os anos de eleição, o Conselho Federal de Contabilidade (CFC), em parceria com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), realizam Seminários com o intuito de esclarecer dúvidas sobre a prestação de contas eleitorais, os eventos acontecem em todos as capitais do país.

Na manhã da última terça-feira, 07, o auditório do Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE/SE) - que é parceiro do Conselho Regional de Contabilidade de Sergipe (CRCSE) na realização do evento de prestação de contas eleitorais -, ficou lotado de profissionais contábeis, colaboradores do Tribunal e representantes de partidos políticos para conhecer e esclarecer dúvidas sobre as novas regras para as eleições 2018.

"Agradecemos a parceria com o Tribunal e vemos cada vez mais a importância que a classe tem na sociedade, inclusive no período eleitoral. Por trás de uma campanha, candidatura, partido ou candidato existe todo um referencial financeiro que exige a presença de um profissional da contabilidade. Isso é imprescindível", comemorou o presidente do CRCSE, Vanderson Mélo.

De acordo com o secretário judiciário, Marcos Vinícius Linhares Constantino da Silva, na ocasião representando o presidente do Tribunal, Ricardo Múcio Santana, a prestação de contas não funciona sem a presença de um contador. "É indispensável para a prestação de contas a participação do contador, um dos profissionais mais importantes e esse ano em particular, pois temos algumas particularidades e grande volume de recursos. A prestação de contas tem que está bem formulada e de forma correta", explicou.

O vice-presidente de desenvolvimento operacional do CFC, Aécio Prado Dantas Júnior, marcou presença no evento e explicou a relevância da parceria entre os órgãos e a participação do profissional da contabilidade durante a campanha eleitoral.

"Essa parceria de vários anos entre o CFC e o TSE vem da necessidade de explicar sobre obrigatoriedade, observância expressa nas normas e a participação do profissional em todo o processo. A transparência que a sociedade clama, a informação clara, isso só acontece com a presença do profissional da contabilidade. Com a nossa participação nesses momentos importantes o trabalho do contador é valorizado e reconhecido, dessa forma, contribuindo cada vez mais para o desenvolvimento social e para o fortalecimento da democracia brasileira", ressaltou o vice-presidente.

Durante a manhã participaram como esclarecedores para falar sobre financiamento de campanha, gastos eleitorais, sobre a prestação de contas dos partidos e candidatos e as novas regras introduzidas pela legislação eleitoral, o chefe da Seção de Exame de Contas Eleitorais e Partidárias do TRE/SE, Veroni Júnior Caetano de Oliveira e o contador, analista judiciário do Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe (TJ/SE), Alex Santos Almeida.

Assim como em vários eventos do CRCSE, esse foi mais um em que a inscrição foi solidária e os donativos arrecadados foram doados para o Externato São Francisco de Assis, localizado na capital sergipana.